(blog do músico Nando Penteado)
   
    Site | Blog | Nando Penteado
 

Jorge Cassangel

Publicado em 23/06/2007

Links relacionados:




"Ô, vem vindo o meu amigo Jorge
é de aço, é valente, ele é nobre
dá licença prá ele passar"


Jorge Cassângel é uma dessas raras pessoas pelas quais você se apaixona já no primeiro momento em que vê e ainda se lamenta: "Puxa vida, como não conheci essa figura antes!".

Quando vemos Jorge Cassângel, três coisas não se pode deixar de perceber logo de cara: a cor da sua pele negra (herança do samba), o sorriso sempre escancarado (sua alegria e felicidade) e a distrofia muscular, doença genética que o acomete e contra a qual luta bravamente.


"Esse negro é bacana, é batuta
Caminha feliz não reclama da vida
Pois sabe cantar"


Jorge teve uma infância sadia e privilegiada, própria de quem viveu na Campinas antiga, que ainda não conhecia o asfalto, e via a poeira que a boiada levantava, em um tempo em que a tropa, em suas viagens, passava pelas ruas de terra.

Quando criança nadava em lagos e em locais perigosos para os padrões de hoje; é que a molecada não conhecia piscina, e tudo era tão diferente e maravilhosamente especial, como quando queriam comer um chocolate e precisavam pular o muro da fábrica da Vila João Jorge para roubar um tablete.

Aos 12 anos de idade os primeiros sinais da doença começaram a se manifestar, mas ela não o atrapalhava em quase nada, tanto que Jorge trabalhava como fotógrafo e aos 30 anos teve um filho, o João Carlos.

Da sua profissão de fotógrafo, é bacana lembrar que a qualidade das câmeras não se media em "magapixels", Jorge conta que gostava de usar as famosas "Rolley Flex" ('fotografei você na minha Rolley Flex, revelou-se a sua enorme ingratidão' - Desafinado - Tom Jobim)


"Jorge doma um dragão todo dia
No samba não perde a alegria
Aprenda com ele a lição"


Veio então um tempo muito difícil em sua vida, a doença evoluiu e ele não pode mais exercer a antiga profissão de fotógrafo...

Só não chegou a passar fome porque contou com a generosidade de amigos e comerciantes do CEASA.

Mas Jorge não é de ficar com a cabeça baixa não, Jorge é valente, como diz a canção, e rapidinho resolveu virar a mesa do jogo: iniciou uma revenda de cosméticos do Avon e da Natura.


"Ele luta com a lida, labuta
Problemas finge que não escuta
Não tem tempo a desperdiçar"


E num piscar de olhos transformou em clientes aqueles que antes o ajudavam, se você também quiser obter através dele os produtos do Avon e da Natura, utilize o link Contato que o colocaremos em contato com você.

Com fé em Deus, encara a sua doença como uma oportunidade de evoluir como pessoa, veja o vídeo abaixo:


Mas afinal, e o samba? E a música?
Onde entram na vida do Jorge?


Ahá! Ficou curioso, né?! É que Jorge Cassângel é um profundo conhecedor de sambas antigos, tem uma voz especialmente forte e sonora para cantar e tive a honra de ser o convidado para montar o show dessa pessoa que tem sido para nós, seus amigos, quase que um guia espiritual e uma grande fonte de inspiração.

(PS: Os versos entre aspas são da música "O Samba do Jorge", composta por Nando Penteado em homenagem ao amigo)

Links relacionados:


 

Siga o Nando Penteado



desenvolvido por Nando Penteado, todos os direitos reservados